9 de junho de 2010

' Artigo sobre Mulher XL no jornal "i" e "ionline".

Big is beautiful. "Orgulho-me do meu corpo. Sou saudável e basta"

por Nelma Viana, Publicado em 09 de Junho de 2010  

As Big Beautiful Girls querem pôr a mulher XXL na moda
Cláudia, 20 anos, estudante de Psicologia, sonhava desde a adolescência com uma carreira de manequim. Correu grande parte das agências do país à procura de representação, mas a resposta repetia-se em eco a cada tentativa: "Tens de perder pelo menos 20 quilos. Depois disso falamos." Na altura, Cláudia não pesava mais de 67 kg. Contas feitas e o sonho de uma carreira caiu por terra - até agora. Desconsolada com as sucessivas portas no nariz, foi no seu blogue pessoal que lamentou a falta de oportunidades para as modelos XXL. Do outro lado do computador, também Lane, brasileira de 24 anos, tentava perceber se em Portugal as gordinhas teriam espaço para brilhar, à semelhança do que já acontece no Brasil. Encontrado o ponto em comum, nasceu pela mão das duas aspirantes a modelo o blogue bigbeautifulgirls4.blogspot.com. A ideia, contaram ao i, "não é promover a gordura, nem a obesidade", simplesmente "ajudar a divulgar a perspectiva de que para ser bonita não é obrigatório ser magra". E contam histórias que, "noutra idade e com uma maturidade" podiam ter acabado com a auto-estima. "Há uma marca nacional que nunca fez roupa plus size porque, tal como me disseram numa das lojas, não queriam ser associados a gordas", conta Lane, enquanto recorda os anos a fio em que "as pessoas paravam feitas parvas a olhar para o meu tamanho". Mas agora já não é assim e o número faz a força: no exército criado por Lane e Cláudia, alistaram-se Nádia, de 21 anos, Rita de 23 e Catarina, a benjamim, de 18 - todas fisicamente diferentes, mas unidas por um objectivo comum: defender as mulheres com curvas. Juntas dão a cara e o corpo pela Kurokai - marca de roupa que serve mulheres que vistam entre os tamanhos 44 e 56 -, representada por Célia Barreira, em Portimão. "A Kurokai é a Salsa das gordinhas", anuncia, mostrando-se muito feliz por ter conseguido ganhar espaço em Portugal para acabar com "as roupas de velha que as gordas eram obrigadas a usar. Opá, para isso mais valia embrulharem-se num lençol". E por isso, arregaçou as mangas e apostou em peças coloridas - contrariando a ideia de que as mulheres mais cheiinhas devem evitar os estampados -, juvenis e bem-dispostas. Os preços, garante, "são muito democráticos". A sua equipa foi angariada na loja: "Vinham cá comprar e eu achei-as tão bonitas que comecei a levá-las comigo para as apresentações das colecções", conta Célia.

Apesar do amadorismo, a luta é brava e inspirada em carreiras como a de Fluvia Lacerda, a Gisele Bündchen XXL que, no alto do seu tamanho 48, serve de exemplo a milhares de mulheres que recusam a magreza como condição essencial para pisar a passerelle. "Tenho muito orgulho no meu corpo. Sou saudável e isso basta", diz Nádia. Palavras que ecoam, todos os dias, nas cinco meninas que mantêm a esperança de se tornarem as primeiras modelos XXL representadas profissionalmente por uma agência.

AQUI.


Muaah @


fantástico.

Obs: mais fotos da TVI no posting de baixo (neste blog), no Mulher XL e no nosso Facebook.

9 comentários:

_+*A Elite in Paris*+_ disse...

Acho que é o caso de dizer: this is huge!!!! ;)

A Elite

Botas disse...

Mais uma vez digo, tenho muito orgulho em ti amor, lutas pelo que queres e lutas pelo que tens.=D

<3

Anónimo disse...

Até gritei de euforia quando vi que tinhas umas página de um jornal dedicada à 'Mulher XL' ..

hernameishistory disse...

Que bom Claudia =D
Tenho acompanhado o processo através do teu blog (embora não comente tanto como queria, as vezes venho e leio os teus post's á pressa só porque gosto mesmo d os ler ;))e estão a "crescer" a uma velocidade muito boa, ainda bem que este projecto está a ganhar visibilidade, acho mesmo muito importante q as "gordinhas" parem de ser consideradas feias só porque são mais curvilineas q as magricelas q vemos nas passereles, pelo contrário, são mais bem feitas e mulheres bastante reais..eu própria sou um 40 e sei que isso ainda não dá para a moda plus size ( =( e tem coisas tão giras), mas quando vou a algumas lojas só por pedir para verem se tem o 40 olham-me como se fosse crime usar mais que um 38,enfim...

Boa sorte, torço por vocês ;*

Marta Inês disse...

Maravilhoso!
Vocês são fantásticas

beijinhos*

→ Calipso disse...

E tu es tao gira !!! Esta gente --' Onde e que ha beleza nos sacos de ossos, desculpem la ?! Mas algum gajo gosta de esqeleticas ? Mulheres sao pa ter curvas, dirao eles. E apontaram Scarlet Johansson como exemplo.

Menina disse...

Estavam todas lindas =) Parabéns!**

Maria disse...

Que esse projecto consiga mesmo seguir em frente. =)
Um beijinho.

Mi disse...

Fico mesmo feliz que se esteja a falar tanto neste vosso projecto! É sinal que vão conseguir mesmo levar isto para a frente.
Muitos parabéns.
kiss