23 de agosto de 2010

' Hoje apetece-me escrever algo tipo diário / And All That Jazz #33

Este fim-de-semana teve direito a mais um acampamento na praia (Sábado para Domingo). Ganhámos o gostinho da última vez - e eu, particularmente, ganhei o gostinho por acampar no Sudoeste (acampamentos que fiz nos escoteiros não contam, que eram muito diferentes) - e resolvemos repetir a dose. Não há nada como uma noite na praia, conversas ao o som do mar a ir e vir, intensificado pelo efeito da bolota, ter conversas filosóficas, jogos de UNO, dar uma volta pela praia com ele ao desaparecer da noite, adormecer com a brisa da manhã e a olhar o nascer do sol, acordar quando o sol já vai alto, apanhar banhos de sol e banhar-me na água da praia de Santo Amaro, que é tão calminha que mais parece uma piscina. Foi óptimo :D

foi um óptimo dia de praia.

a Vera dormiu em minha casa nessa noite. dormimos imenso. uma noite e um dia na praia esgotam uma pessoa =P gosto tanto da Verinha, ela toda preocupada porque "estava a ser um inconveniente e estava a estragar o nosso 'momento a sós' - meu e do Bruno - porque se tinha esquecido da chave de casa e tinha de ficar cá a dormir", mas ela é tão parvinha, não custou nada, gosto da companhia dela, sei que ela faria o mesmo por mim, e ela respeitou bem a nossa privacidade, logo, não interferiu em nada o facto do Bruno estar cá em casa. sei que o disse milhões de vezes, mas assim fica escrito, para quando vieres ler isto, Vera. :)

o Bruno também passou o fim-de-semana inteiro comigo. chegou a minha casa no Sábado logo de manhãzinha com uma surpresa, daquelas boas, daquelas que um simples "obrigada" não chega para mostrar o agrado que se tem. são esses pequenos momentos e surpresas e gestos da parte dele que me fazem estar cada vez mais apaixonada por ele. discutimos 3 vezes "a sério" só no espaço do fim-de-semana (foi preciso chegar aos 7 meses tão pacificamente para começarmos a discutir agora, bom record), mas são discussões por coisas tão estúpidas que às vezes até sabe bem tê-las, para descarregar as más energias e para ficar tudo em pratos limpos (comunicação numa relação é muito importante, e eu não sou de omitir nada quando estou numa), e o melhor é sempre as pazes, claro. é isso: apesar dos arrufos que às vezes (cada vez mais) temos, sinto-me a cada dia mais apaixonada por ele :)

hoje, fui ter com o Dani. há muito tempo que não estava com ele, e o Dani é uma óptima companhia. Tivemos de pôr a conversa e as novidades em dia. Ele pagou-me um cinema e as pipocas em troca do meu livro (como "pagamento"). Fomos ver o "Salt". Detesto filmes de acção, mas era o único que dava a horas decentes, se fosse mais tarde estava lixada para voltar para casa (em Agosto os transportes são complicados). Mas até caiu bem (o filme). As pipocas caíram melhor. Há tanto tempo que não ia ao cinema e hoje esteve mesmo tempo para isso. Eu gosto do Verão, mas este dia mais à-Inverno até soube bem.

Voltei para casa a ouvir Amy Winehouse. Ouvir "Wake Up Alone" enquanto passava pelo monsanto (o autocarro que me leva a casa passa o raio da serra quase inteira), levou-me a ter um momento altamente introspectivo. Este fim-de-semana foi de diversão, mas também de introspecção. Houve certos momentos em que decidi que havia coisas na minha vida que tinham de mudar. Mais particularmente, na minha forma de ser. Estou satisfeitissima comigo mesma, com a minha personalidade, só há 2 coisas que quero mudar. Uma é segredo e a outra é ser demasiado permissiva. Muitas vezes "como e calo", "oiço e calo", muitas vezes deixo que façam de mim parva, e isso vai mudar.

Pensei em como a minha vida está agora, e no tempo que demorei a chegar onde estou. Não em termos materiais, mas em termos psicológicos e espirituais. Pensei em tudo o que fiz na minha vida até hoje, e no que quero fazer no futuro. Pensei nas pessoas, aquelas que eu quero manter na minha vida porque dão aquele toque de especial que a vida tem, e aquelas que são parasitas, que só me fazem mal. Saí do autocarro umas paragens antes para ir o resto a pé, respirar ar fresco e apanhar com os chuviscos. Soube bem. Enfim, pensei na vida. E continuo a pensar. De há 4 horas para cá que estou altamente introspectiva.

E é isto. Hoje apetecia-me escrever estilo-diário, sem floreados, só assim, o que eu fiz nos últimos dias (e eu tento ao máximo evitar que este blog seja um diário, mas de vez em quando sabe bem e não mata ninguém).

Muaah @

6 comentários:

CG disse...

Esses acampamentos na praia parecem ser fantásticos :)
Fazes bem em mudar aquilo que achas que te prejudica.
Big Kisses

Daniela Pereira disse...

Gostei deste momento diário. as fotos estão divertidas!
Isso de ter que esperar 7 meses aft
sinceramente ando com o Miguel à 16 meses e ainda não tivemos uma discussão a sério. As discussões são saudáveis e fazer as pazes sabe tão bem :)

Marta Inês disse...

Andas a aproveitar bem o verão! :D

beijinhos*

OMOPrjct disse...

Continua a curtir e aproveitar :)
Kiss*****

Vasco

→ Calipso disse...

Adorei o texto +.+ (cm sempre...)

Botas disse...

Um fim-de-semana em cheio.=p

<3