1 de maio de 2011

' O Principezinho.


Um livro que, dizem, tem de se ler várias vezes ao longo da vida. Para relembrar de que as coisas essenciais são invisíveis aos olhos e de que, em "crescidos", nos esquecemos das melhores coisas do mundo, as que são vistas pelas crianças de uma forma totalmente diferente. É sempre bom para recuperar a essência pura e infantil - nunca perdida, mas bem escondida - dentro de nós. Para além disso, de cada vez que se lê, lê-se sempre com uma perspectiva completamente diferente, conforme a fase em que estejamos na vida.

Eu li uma vez quando era miúda, detestei, porque para além de não gostar nada de ler nessa altura - e como as coisas mudam, hoje amo ler! - (os meus pais obrigaram-me a ler isso), não percebi grande coisa da história, claro.

Estou agora a ler pela 2ª vez, com 21 anos. E, a cada página, me delicio e me dá vontade de sorrir e chorar ao mesmo tempo.

É lindo. É delcioso. E é tão lindo e delicioso que eu tenho "medo", ou pena, que acabe. É tão pequeno e lê-se num só dia, mas eu ando a esticá-lo durante o maior tempo possível. Releio montes de vezes só para não passar de página. Não quero que acabe! E estou mesmo a ver que, no fim, vou chorar. Eu choro sempre no fim dos livros, quando eles me tocam mesmo a sério.

"Quando nos deixamos cativar, é certo e sabido que algum dia alguma coisa nos há-de fazer chorar."

7 comentários:

DC disse...

É um dos meus livros preferidos!

doctor who disse...

Esse livro é uma perola da vida, é um amigo que nos aconselha e lembra do que realmente importa na vida!! beijinho*

"“Tu és eternamente responsável por aquilo que cativas"

OMOPrjct disse...

Todos os anos leio "O Principezinho"... Não sei se é por ter saudades dos tempos em que era criança, se é para me lembrar desses tais ensinamentos que, como tu dizes muito bem, nos esquecemos quando crescemos, mas leio, e procuro sempre algo novo; porque de cada vez que se lê este livro se repara em algo que antes não tínhamos prestado grande atenção...
É delicioso, sim :) Custa crescer, por vezes...

Um Beijinho BIG
*** Vasco

Menina disse...

Também o li quando era muito pequena e não percebi grande coisa da história..lembro-me de achar tudo um bocado confuso. Desde pequena que tenho no meu quarto um quadro com uma imagem e uma frase do principezinho e só já na adolescência achei piada ao quadro lol

Depois disso já o li mais duas vezes e a última foi, sem dúvida, a que gostei mais e que me encantou totalmente. E acredito que sempre que o ler outra vez, há medida que ficar mais velha, vou sempre descobrir coisas novas e ficando mais encantada =)

ADEK disse...

Adorooooooo:) Já li tantas vezes! E parece sempre que descubro algo novo:D*

Salsa disse...

Um livro essencial de se ler, devemos sempre recordar as suas passagens ao longo da nossa vida!

Botas disse...

Dos poucos que li, esse está lá.=)

<3