26 de fevereiro de 2009

' Actriz Cátia Godinho de Parabéns.

As pessoas adoram gozar com Os Morangos Com Açúcar porque 'toda a gente diz' que não presta. Parece que está na moda gozar com a série e o que mais se ouve praí a dizer é pessoas que falam como se nunca tivessem visto.. mas depois sabem tudo ihih :P Mas por trás de uma série um pouco estúpida que gerou a Geração Morangos com Açúcar à qual eu pertenço (infelizmente ou não), escondem-se cenas da vida real. Eu não gosto especialmente desta série , a 6, e por isso nem vejo muito... mas a história da Catarina, simplesmente, abala-me. a sério. é quase a única razão porque de vez em quando me ponho a ver isto, e quando gravo na Meo passo sempre para as partes dela. Ela (a personagem) sofre de uma doença rara chamada Alopécia, o que provoca queda de cabelo excessiva.. até ficar careca. A miúda passou alguns maus bocados, desde ter sido abandonada pelo pai a ser violada pelo namorado da melhor amiga, e foram esses distúrbios psicológicos que lhe causaram a doença Alopécia, que muitas vezes é do foro psicológico. Eu infelizmente perdi o episódio em que ela... RAPOU O CABELO. e eu fiquei KO, quando uma amiga me disse... (foi do género, eu começar a cantar 'please keep fightinnnngg'... LOL e ela 'andas a ver muitos Morangos..' e eu 'nem por isso, só gosto da história da Catarina. não vejo há séculos' e ela 'ela já rapou o cabelo'... pronto, claro que instantaneamente vim ao youtube. e aqui está esta cena INCRIVEEEL. (a partir do minuto 5.30 é que é a melhor parte):


a sério, eu quase.. chorei. vieram-me as lágrimas aos olhos. para além da cena ser mesmo comovente, com a música Keep Fighting que eu AMO... bem, digamos que ela tem mesmo muita coragem ! eu não era capaz de fazer isso se estivesse na situação dela. acho que nunca mais saía de casa. e o mais impressionante.. é que isto não foi uma mera encenação. a actriz Cátia Godinho (que faz de Catarina) rapou MESMO o cabelo, na vida real... e depois disto, só me resta dizer... QUE GRANDE ACTRIZ. parabéns! mesmo...

e são estas histórias (que, não sendo real nos MCA, acontece na vida real), que me inspiram... e eu que sou obcecada com o meu cabelo e tou toda preocupada que o meu cabelo volte a ser assim...

porque cometi o 'erro' de o ir cortar (quer dizer, para variar eu só queria cortar as pontinhas mas a cabeleireira tem de fazer sempre m*rda e assassinou os caracóis que eu tinha nas pontas)... bem, fiquei KO e já me dou por muito feliz por ter o meu cabelo todo, e forte :D ... ACTRIZ CÁTIA GODINHO subiu muitos pontos na minha consideração, quem me dera ter a coragem dela :)

Muaah @

10 comentários:

Andreia do Flautim disse...

É preciso ter coragem!
Então onde te chega o cabelo agora?

Maria disse...

São opções.. Eu de vez em quando espreito a série, e realmente é preciso uma grande coragem para enfrentar a "doença que ela tem"... E da maneira que ela enfrentou...

bjhnoo.

Tropezinha disse...

Pois, eu admiro muito mais a Fernanda Serrano, por exemplo, que rapou o cabelo numa novela há uns anos atrás, e foi uma cena que me marcou muito, mesmo!!

Por acaso essa "catarina" é uma personagem que eu não gosto muito! Nem admiro muito (ou nada); o trabalho dela era esse, teve de o fazer! Teve coragem, é verdade! Não foi a primeira, e não vai ser a ultima!

há imenso tempo que não assisto a um episodio completo, porque nao se proporciona, e não venho a correr para casa (agora) para ver os morangos com açucar! ;) Mas uma actriz que eu adorava, e me identificava muito com ela, era a "diana" que esteve grávida e tal, e a cena em que ela teve o bebé, para mim, foi muito mais "importante" do que esta da "catarina" rapar o cabelo.

Admiro a coragem dela, enquanto actriz, nao me parece muito fantástica! Até eu que não tenho qualquer formaçao de actriz, se me rapassem o cabelo chorava, e muito. por isso, acho que não é nada de "especial", não é nada que qualquer outra pessoa nao fizesse! ;)

(sei que este meu comentário vai revoltar muita gente!) LOL

Beijinho Amiguinha virtual! ;)

Menina disse...

Lembro-me perfeitamente que a primeira série dos morangos começou quando eu entrei para o 10 ºano..como na altura mudei de escola e assim, parecia-me que me identificava com algumas coisas..e vi regularmente até ao 12º (quase toda a gente via, pelo menos às vezes, porque sabiam sempre tudo)..depois comecei só a ver de vez em quando, com a mudança de horários..e agora desta série acho que só vi mesmo bocadinhos no início, ou seja, não sei nada da história.
Mas em relação ao cabelo, eu compreendo que tenha sido um cena muito dificil de fazer, já para não falar das pessoas que têm mesmo essa doença..o meu cabelo é das partes do corpo que mais gosto, logo qualquer alteração dessas ia ser um drama autêntico!

beijo*

B! disse...

Acho que desta vez é a 1ª opção. Por muito que me chateie esta noite não dá mesmo para ir. Ainda por cima ficaram de me enviar um trabalho nas férias para eu acabar e ainda não enviaram! Resultado: mais trabalho atrasado! Quarta-feira quando me envias-te a mensagem pensei "Ah, eu vou conseguir chegar bem a sexta-feira e por isso vou aceitar o convite e ter uma granda noite". Mas só para veres hoje de manhã até adormeci e é por isso que estou aqui a estas horas da manhã. E eu não adormecia de manhã há uns bons meses, isso só me acontece quando estou mesmo muito cansada!

Resumindo em vez de ter uma noite divertida vou ter uma noite secante na companhia dos trabalhos atrasados. Não foi uma escolha minha, foi mesmo uma necessidade. Ou isto ou passava o fim-de-semana todo sem render!

Diverte-te imenso ( eu sei que sim ;) ) e espero "agendar" esta noite para outra altura em que tenha menos coisas para fazer.

beijinhos =)

Verinha disse...

Bem coitada da miuda! Por muito que seja o trabalho dela, por muito que lhe paguem e tal é preciso coragem! Tá bem que o cabelo cresce e tal, mas mesmo assim, eu não sei se teria a coragem dela!!!

Bjks***

Joana disse...

se a rapariga fosse de uma serie americana toda a gente falava bem mas como é dos morangos, ninguém dá valor.
beijos

Rodrigo disse...

Vejo me obrigado a discordar. Não acho que tenha sido um grande feito nem acho que a doença seja alguma coisa que necessite de coragem. Se é preciso coragem para enfrentar doenças que a ÚNICA coisa que provocam é queda de cabelo a culpa é de todas as pessoas que se importam com a aparência, pois se assim não fosse, quem perdia o cabelo não sofria. Milhões de pessoas a morrer diariamente com doenças sérias e a doença abordada numa série televisiva é uma que provoca queda de cabelo...Acho que chega para demonstrar a sociedade fútil que esta a ser desenvolvida. Sejam felizes cabeludos ou carecas, altos ou baixos, gordos ou magros,brancos ou pretos, e deixem de se importar tanto com a aparência, cada um é como é tem mais é que ser bonito à sua maneira.

Vida de Praia disse...

As cabeleireiras, pá!... :-(

Sydney disse...

Sabes k tb lhe pagaram bem para ela o fazer :p