24 de fevereiro de 2009

' Agora que olho para trás...

Com o ex-ele, as coisas têem corrido de mal a pior ! Cada vez me desilude mais, mesmo já não sendo meu namorado, já nem amigos conseguimos ser... a minha ideia para este post era escrever algo que mostrasse o meu lado 'forte' , e transcrever algumas das sms's em tom de 'vingança' que lhe tenho mandado (género 'queixas-te que eu agora faço isto, mas eu agora nem sou tua namorada, e tu quando eras meu namorado fazias bem pior' em relação a muitos aspectos). Epa, mas isto está tão mal que nem há palavras... quer dizer, há ! é o sentimento (que não sei o nome) de quem acaba de acordar de uma grande ilusão. sabem? quando vivem tanto tempo parece que com uma venda nos olhos... e depois percebem e perguntam-se, interrogam-se e martirizam-se 'como é que eu passei por isto e nem reparei?!' ...

porque eu nem reparei ... nas nossas diferenças de saltar à vista! agora que olho pra trás é que vejo tudo com mais clareza... não dava importância ao facto de sermos tão diferentes: eu a que queria muito da vida, eu a que fazia muito pela vida, eu aquela sempre com sonhos e objectivos, ele um conformista de primeira! não queria fazer nada de nada, por nada ! com TODAS AS OPORTUNIDADES ele desperdiçava-as uma a uma ! a viver em casa dos pais com quase 23 anos, os pais a sustentarem-no, nem o 12º tirou, nem a carta, nem nada... não era por falta de inteligência... era por não querer... pior, dizia que queria, que fazia e que acontecia mas na prática nunca vi nada... há um ano (sim, desde fevereiro de 2008) que está a tirar a porcaria da carta e ainda nem marcou o exame de código... não queria nada da vida e isso é algo que me faz impressão nas pessoas... estava ali só por estar, 'aqui me queres aqui me tens', gastava o ordenado todo em coisas superficiais, um telemóvel a cada 6 meses, amigos, saídas à noite, alcool e outras coisas... (epa, eu não digo que isso não seja bom.. eu também gosto de saídas à noite, gastar dinheiro em coisas ditas 'superficias'.. sim ! mas por outro lado faço alguma coisa da vida! e espero algo dela ! mas ele... era só aquilo!)... e eu feita 'cega'.. a querer construir um futuro com ele! como era possível? se era eu a querer tudo e ele a não querer nada? eu a fazer tudo e ele a não fazer nada? feita estúpida.. uma vez cheguei a ir à escola dele perguntar como é que ele podia fazer as disciplinas que faltavam para acabar o 12º ano porque ele não podia sair uma horinha mais cedo do trabalho para ir lá, mas quando era para passar fins-de-semana fora às vezes até faltava ao trabalho dias inteiros... nem reparei... que é uma espécie de 'padrão' na família dele.. desde os bisavós dele que o padrão é: o homem vai para o café com os amigos ou fica a ver televisão e a mulher fica feita escrava em casa à boa 'moda antiga'... e eu estava mesmo a ver que ía ser assim connosco se eu alguma vez cometesse a loucura de me casar ou juntar com ele... nem reparei, nas faltas de consideração, nos esquecimentos, nos pedidos de desculpa falsos, nas promessas nunca cumpridas (e eu sempre, sempre, sempre a acreditar que desta vez é que ía ser)... recebia mensagens e comentários todos amorosos, cheios de @@@@ que só aparentemente preenchiam o vazio das suas acções... (palavras nunca substituem acções)...

e eu ainda tentei ser amiga dele, mas não deu.. quando oiço coisas como 'não vales nada'... há o sentimento da angústia, da amargura, e sobretudo.. da ambiguidade... ou seja, 'eu estou melhor assim, em termos práticos estou mais feliz, ou menos infeliz, mas porque é que eu continuo a pensar no assunto?' ... já apaguei tudo o que tinha sobre ele no pc e no telemóvel (excepto o nº de telemóvel, claro lol), até no Hi5 já mudei o lugar do top dele e tirei as fotos, tudo..! já cortei as pulseiras que tinha com ele... e mesmo assim... há sempre algo que me faz lembrar... há sempre músicas, letras de músicas, sítios, imagens... afinal nas minhas recordações quase todas dos últimos 3 anos ele aparece 'na fotografia' . mas sou capaz de ficar dias sem pensar no assunto e depois ele manda uma sms e eu fico deprimida.. DEPRIMIDA ! ...

..e pior, vejo que ele não está a sofrer nem um pouquinho.. para variar, ele diz q sim, mas são só palavras e as acções dizem muito mais.. como tudo na vida, ele resignou-se a este fim de relação... não pediu 2ª oportunidade, não pediu desculpa, não luta por mim, não vem atrás de mim.. continuou a viver como se nada fosse, e isso é 'sofrer'?... acha que tem razão, que eu é que fiz mal em ter acabado porque ele não fazia nada de mal, e ainda uma vez chegou a perguntar-me se 'não havia volta'.. quando ele não faz nada de nada... despreza-me, ignora-me, e quer que eu volte com o rabinho entre as pernas... quando se há aqui alguém que tem de vir atrás de alguém é ele de mim, as atitudes dele só provam que ele se está mesmo a cagar pra tudo e pra mim e não quer mesmo saber...

... e depois disto tudo, quando me ponho a pensar no que nós éramos antes do namoro... éramos os melhores amigos do mundo!... éramos como se fossemos irmãos... houve inclusivé uma altura que nos tratávamos por 'maninho' e 'maninha' e tínhamos a melhor relação do mundo... e pensar... que para além do namoro, foi uma amizade ao ar... era a pessoa com quem eu mais me sentia à vontade no mundo... estar com ele era como estar comigo própria... e de repente... a pessoa mais próxima de mim no mundo, mudou, deixou de gostar de mim e mostrou-o da pior maneira. desapareceu... (só a ideia de pensar nisto já me faz chorar).

ou seja, resumindo e concluíndo, este post era suposto vir p'raqui falar de como tenho conseguido superar relativamente bem. e de como tenho tentado recuperar esse ano que 'perdi' a todos os níveis. até tenho! mas no fundo no fundo ainda há (muitas) feridas abertas. e haveria tanta coisa a acusar a ele. havia tanta coisa a acusar a mim. mas não me apetece desgastar-me mais a escrever sobre isso. há simplesmente momentos que doem demais. que são insuportáveis demais. que só apetece chorar, e choro. que só apetece desaparecer. que só apetece odiá-lo, e odeio. que só apetece apanhá-lo com outra gaja para ficar com ódio dele. o ódio é mais fácil de superar do que a tristeza e a angústia. e há outros em que só me apetece abraçá-lo e ficar assim para sempre, mas depois voltaria à estaca zero, e saber que estaria a abraçar uma pessoa que me fartou-se de gozar comigo, usou e abusou.


(aproveito para fazer o desafio do post-it com isto)

mas sabem que mais? porque é que eu ainda me importo??
WHY BOTTER??

o que custa mais é que me importo.. Eu gosto dele ! .. (gostamos sempre das pessoas erradas)... o pior é que continuo triste.. apesar de não mostrar, continuo a sofrer.. já nem a amizade dele tenho e ele nem gosta de mim como eu achava..
My weakness is that I care too much.

(é por estas e por outras que eu ganhei aversão aos namoros e a confiar no sexo masculino. já não consigo confiar em nada do que eles dizem. estou numa onda de ser eu a usar, a abusar e a gozar com eles! usar e abusar de quem me usou e abusou de mim! enfim, a divertir-me)

Post escrito ao som de: Lost (Coldplay) (1º lugar da PlayList do blog de momento)

15 comentários:

Make me PURE disse...

mais vale tarde do que nunca!
Levanta a cabeça e diverte-te
beijinhos

Hannah disse...

Ao ler este teu post, em parte relembrei-me da relação que tive com o meu ex... o Carlos...
Estivemos juntos durante 5 anos e como tu houve muita coisa que não me apercebi na altura... tínhamos a relação perfeita... em vários aspectos... até que um dia ele cometeu um grande erro.. e foi esse erro que me abriu os olhos para a triste realidade... a pessoa que eu amava acabara de partir o meu coração em mil pedaços... a pessoa que eu tanto amava, de repente, desapareceu... e como tu a ideia de confiar em alguém parecia-me, de todo, impossível... Por opção, passei 3 anos sem me envolver com ninguém...não queria... apenas queria a companhia dos meus amigos...e nesse período de tempo aprendi a gostar verdadeiramente de mim... e acredita que esse pequeno/grande pormenor é importante... tens mesmo de gostar de ti...senão ninguém gostará... sei que é um "cliché", mas não deixa de ser verdadeiro...
Após passar a tristeza, a amargura, todos os sentimentos que te deixam deprimida (tudo leva o seu tempo) irás perceber que não podes fechar o teu coração, por mais magoado que esteja... não deixes de "viver" o amor... é um bem demasiado precioso ...
Bjinhos e um abraçado bem apertado

Tropezinha disse...

memorias sao sempre boas querida!!!! acabou agora, e tas muito maguada! mas daqui a uns anitos, vais olhar para tras, vais ver que aprendes-te e cresceste... MUITO!!!! ;)

beijinho enorme! Um dia vens comigo ver um jogo de hoquei! é tão bom pra desanuviar e perder o stress!!! esqueces tudo durante aqueles minutos de jogo! ;)

B! disse...

Agora é seguir em frente sem esquecer o passado, pois esse irá ajudar-te a não cometer os mesmos erros no futuro ;)

S o f i a disse...

Live goes on...
Se te anima... eu raramente fico de boas relações com ex-namorados ou até mesmo "ex-flirts"...

A vida é assim e as pessoas mudam... Estas experiências servem para crescermos e aprendermos...

kiss kiss

Maria disse...

Com o meu ultimo namorado, só andei 6 meses, por ai.. E logo depois, de eu ter posto fim a tudo arrependi-me tanto, tanto, tanto...

Tudo o que ele dizia, ainda me entristecia mais...

ENfim.. há que seguir em frente.

Um beijinho.

▒▓█► JOTA ENE ® disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
▒▓█► JOTA ENE ® disse...

Lá que gostas de escrever não há duvida nenhuma.

Ah, eh verdade, este é o comentário 8.000. lol

Bjs

Joana disse...

dps de ler tudo so te tenho a dizer que fizeste muitissimo bem ! agr resta aprender com os erros.

beijos e força !

Andreia do Flautim disse...

Realmente é uma história que tem um final triste, mas não deixes que por causa dele deixes de acreditar que pode haver alguem que valha a pena!

A Revoluçao Feita por Nós disse...

Olá querida! Hoje li o teu post todinho!! Raramente o faço porque só vou mandando recados. E pergunto-me: Se ela se dá ao trabalho de ler o meu e comentar, porque eu não o faço?Portanto mea culpa aqui! Eu namorei 11 anos!! Sei bem do que falas. Durante anos, prometi mundos e fundos e durante anos nada acomnteceu. Sabes que mais? Com 33 anos, ainda nem a porcaria de uma carta que demora 3 ou 4 meses a tirar eu a tenho. Durante anos tentei modificar, durante anos tentaram modificar-me. Fui injusto, fui o tipo de homem que não ligava ao que me diziam. Porém..devo dizer-te que as pessoas mudam. Mas não mudam quando os outros querem.A vida não é assim. Tudo tem o seu tempo e aprendizagem. Muitas serão as vezes que ele vai cair em si. Muitas serão as vezes que ele irá dar-se conta de toda a realidade adjacente. Mas um dia chegará a hora da mudança. Talvez nessa altura já estejas casada, mores em outro lugar, estejas com outro alguém. Mas esse dia chegará. Não desistas, não percas a esperança tanto em ti como nas pessoas. Eu sei que dói gostarmos de alguém e esse alguém " Nem estar aí". Mas a verdade é que o tempo mostra-nos quem na realidade nos ama, está do nosso lado e nos quer bem. Terás a tua recompensa...espera e verás!

Sapatos de Lacinho disse...

Custa, eu sei. MAs siga para a frente que a vida são dois dias.

Beijinho** Fica bem :)

Elle disse...

ao principio custa sempre e doí muito, eu passei por uma situação parecida(quem já não passou?) e na minha opinião, o melhor que fazes é nem ler os sms dele, apaga sem ler, apaga o numero, vive a tua vida, concentra-te na escola, que aí sim está o teu futuro, diverte.te com amigos, sai a noite, bebe uns caneco, de água, lol, não vivas e revivas essa situação.
Rodeia te de quem gostas e de quem gosta de ti, chora o que tens a chorar, para poderes sorrir da vida.
Boa sorte mesmo!
Desculpa se me estiquei;/

'C. disse...

14

Verinha disse...

Eu também já andei com uma pessoa assim durante um ano.

Passei um dia inteiro a falar com um amigo (que é o meu marido agora lool) que me fez ver que não tinha futuro com uma pessoa que passava o dia no sofá a ver Tv, a jogar computador e a comer bolos. Mexer um braço que fosse era um suplicio para ele. Ele tinha 16 anos e apenas o 5º ano, era um miserável.
Eu tinha planos de vida, objectivos, sonhos para conquistar e ele nada de nada!
Ás tantas ganhei coragem e desisti de tudo.
Hoje em dia digo-te que não me arrependo de ter desistido dele!!!
Apenas me arrependo talvez da forma que o fiz, nada mais!
Por isso ergue a cabeça e segue em frente, é o melhor pra ti!
Isso de estares sempre a pensar nele vai acabar por passar, vais ver.

Bjks***