18 de março de 2009

' 83 .

Há uns tempos (um ano e meio,acho) li um comentário que uma amiga minha fez no site do nosso antigo grupo de Escoteiros e resolvi vir aqui escrever um post sobre o assunto. Há muito que estava para escrevê-lo, mas fui adiando, tal como tenho adiado a minha ida lá...


O comentário foi (e acho que em parte diz muito):


'Isto é capaz de já ir um bocado tarde demais, é capaz ate de nem valer de nada, mas eu quero que saibam porque é que não tenho aparecido nos escoteiros.

Como sabem, ando no 10º ano que é muito mais difícil que o 9º, e tive que deixar de ir por uns tempos porque os estudos vêm em primeiro lugar e as minhas notas não estavam lá grande coisa. Não desisti apesar de muitas vezes me apetecer fazê-lo, não desisti porque esse grupo me viu crescer, me ensinou muitas coisas, me incentivou e melhorou enquanto pessoa, porque aí fiz muitos amigos e sei que por mais que eu quisesse não conseguiria encontrar outro grupo para ir.

Vivi aí os momentos mais altos do grupo, em que havia quase um acampamento por mês, que sempre que saímos à rua todos nos reconheciam, em que éramos considerados o melhor grupo de Lisboa, o grupo mais animado, o que tinha sempre qualquer coisa para fazer nos fogos-de-concelho mesmo quando não tinha nada planeado….

Sem ninguém perceber muito bem esse grupo deu uma reviravolta total, as pessoas começaram a sair e deixámos de ser aquele grupo cheio que tinha que formar paralelo no pátio para não deixar ninguém de fora, para passarmos a ser aquele que forma perpendicularmente para tentar disfarçar a falta de elementos. Eu fui mais uma, mais um dos elementos que sentiu essa mudança, que não conseguiu lidar com ela e se afastou…

Hoje, ao ver o nosso site senti que já fui muito feliz aí, que o grupo tinha um brilho imenso, que causava em todos nos um sorriso, que tenho saudades disso e que quando perceber que isso voltou ao que era antes, que isso melhorou eu volto a passar por ai, se ainda quiserem'

Identifiquei-me imenso com este comentário daquela que é, actualmente, uma das minhas melhores amigas (que conheci lá). O que se passou foi que os elementos fundamentais do grupo foram saíndo.. um, dois, três. O nosso chefe de grupo saiu, para começar. Para a chefia foi uma chefe de grupo que, de um dia para o outro, se transformou totalmente (pelo lado negativo), e com essa transformação queria levar o grupo atrás. Não digo que a culpa tenha sido totalmente dela, mas em parte, foi ela que provocou o facto de todos se terem ido embora, uns mais cedo, outros mais tarde !


Nós éramos conhecidos como o Grupo da Farra. Aquele que estava sempre em todos os acampamentos, acantonamentos, acampamentos nacionais (com vários grupos de vários pontos do país), etc etc etc. Aquele que animava sempre os fogos de conselho. Aquele que não se chateava com muito. Éramos unidos, únicos, e tenho a certeza que cada elemento que por lá passou, nem que fosse por um dia, sentiu o espírito que nos unia. É como ela diz no comentário, fazíamos taaantos acampamentos. Quando não fazíamos, passávamos as tardes de Sábado sempre em algum sítio, sempre a fazer alguma coisa, sempre todos juntos a divertirmo-nos. Sempre com um sorriso na cara.


Foi lá que fiz os meus primeiros grandes amigos, que tive as minhas primeiras paixões, os meus primeiros namorados até, que dei os meus primeiros beijos. Foi lá que me fizeram a primeira festa-surpresa no meu 14º aniversário. Foi lá que deixei de ser a menina tímida do 5º ano, que comecei a dar-me mais, e a ganhar mais confiança em mim.



devo tanto às pessoas que me acompanharam ao longo de tantos anos. gostava tanto daquilo.. que ficava a semana inteirinha ansiosa pra que chegasse Sábado. e um mês inteirinho ansiosa para que chegasse Aquele Acampamento que estávamos a planear há 3 semanas, três dias que passavam em três segundos. e no fim, quando voltava a casa, toda suja, estoirada, imunda e cheia de fome, as saudades que já sentia enquanto tomava um grande banho. Saudades até do cheiro a terra molhada. aquilo era a minha vida!

De repente, sem ninguém perceber muito bem mas tendo toda a gente uma pequena noção do porquê, acabou. Acabaram os acampamentos. Acabaram os planos para fazer viagens. Acabou o grupo da farra e da rambóia. Tinha eu mais ou menos 16 ou 17 anos, e todas as semanas as nossas tardes degradavam-se mais um pouco. Eu deixava de ter a vontade todos so Sábados de manhã de saltar da cama, vestir o uniforme ou inventar uma desculpa para não o levar (ninguém gostava daquilo mas tinha piada inventar desculpas LOL), e ir ter à sede em Santos. até que uma semana não fui, e outra, e outra.. e agora... já faz uns dois anos (ouvi dizer que o grupo acabou ou está muito mortinho ou uma coisa assim).

e ainda assim, os amigos ficaram. amigos para a vida. as fotos, os vídeos, as recordações, as memórias.. :')



Sempre que o meu pai me leva a Santos para eu ir sair à noite... eu penso sempre, não há noite que não pense, que não olhe, para a nossa sede!... ele uma vez até disse 'como as coisas mudam... dantes, ficavas ansiosa para que chegasse o fim-de-semana para vires aos escoteiros... agora, ficas ansiosa para que chegue o fim-de-semana e venhas sair' (e isto realmente emocionou-me, foi uma das razões que me levou a escrever este post). e é verdade. as coisas mudaram. o grupo mudou. eu mudei. mas este grupo tem, e sempre terá um cantinho especial guardado aqui dentro <3>

Muaah @

Obs.: em todas as fotos, eu tenho cerca de 15, 16 anos no máximo.

11 comentários:

Andreia do Flautim disse...

É muito enriquecedor fazer parte de grupos assim!

Menina disse...

Deves ter passado muitos bons momentos lá! Eu cheguei a querer ir para os escoteiros, mas como tinha o ballet não dava..tinha o fim de semana ocupado..mas sinto algumas das coisas que referes em relação aos meus tempos de ballet. Que nostalgia..às vezes só queria voltar aqueles dias e dançar, dançar..

beijo*

ClaudiaCarvalho disse...

Sabes bem como aquilo marcou, fogo.
Aquilo era nosso, era o que nos fazia continuar sempre com um sorriso. aqueles nossos acampamentos, que quando sabiamos o destino, nos deixavam loucas, aquelas aventuras, as nossas musicas, os nossos videos, as nossas pancas. o nosso mundo.

acabou, morreu do nada e agora tentamos arranjar pequenos e mais fracos substitutos, lembrando sempre o sitio que nos viu crescer, o grupo que nos marcou, o 83!


"DE SANTOS VES, O 83! DE SANTOS VES, O 83! DE SANTOS VES, O 83! OITENTA E? TRES, OITENTA E? TRES, OOOOUTRA VEZ... OITENTA E TRES!!"

Shakti disse...

Nunca fiz parte de escuteiros...gostava, mas os meus pais nunca me deixaram...já lá vai o tempo...

bj

Menina disse...

(só deixo de ser caloira em maio também ;) na 1ª semana..mas já falta pouquinho...)

Pikiiii disse...

Nunca fiz parte dos escuteiros, mas ouve uma altura em que quis ser.. LOL

Olha o moço era mesmo querido mas pronto..

Quanto à cor das letras, no meu pc elas aparecem a preto com o fundo branco, não percebo porque não as vez..

Beijinhooos*

CG disse...

São momentos bons que vais guardar para sempre no teu coração. O que interessa é que os viveste! Eu sempre quis andar nos escuteiros, infelizmente nunca aconteceu =/ Devem ser experiências fantásticas e enriquecedoras! Big Kisses

SandroC disse...

Então vá, aqui tens o meu comentário a este post..

já lá vão uns 4 ou 5 anos senão me engano, né? Mas pronto, concordo, ou melhor, também me vejo nesse comentário que fizeram, embora já vá eu no 12.º ano lool ainda vou lá dando uns saltinhos sempre que posso, e a ver se consigo voltar mesmo de vez. a escola nao me permite muitas das vezes, mas la tento lool no entanto também acho, entrei no grupo, e acho que foi a melhor coisa que fiz ou das melhores que fiz até hoje. Cresci e aprendio imenso naqele grupo, embora por razões diversas, o grupo foi-se infezliemente foi-se, também reparei nessa diferença que todos repararam, no entanto, há que ver que nem toda a gente estava lá porque gosta mesmo daquilo. os fortes resistem ao tempo, mas os outros nao deixem de o ser por terem saido, tenho pena muita gente ter saido. Lá se foram as massagens e as noites, agarrado à claudia Carvalho e à liliana. Mas pronto. o grupo ainda nao acabou, mas vai acabar, vai juntar-se ao grupo do Marquês, no entanto o 93, o espirito do 83, durará muito, e ainda se vai falar muito nele, como o "Grupo da Farra" isso garanto.

Mas pronto. Pode ser que isso vá mudar agora, e até que muitos de vós, "ex-83" venham para o novo, com outro numero, mas COMIGO lá, que só por isso vale a pena virem ahahah =P eu realmente nao sei que escrever mais.

Pronto, enfim ......

SandroC disse...

aaah e onde conheci a cláudia :D e onde me apaixonei por ela tambem xD LOOOOL

ÍNDIA disse...

Estou exausta querido!

És doido varrido!!! Precisas de acalmar...Juro que tenho experiência de miúdos hiperactivos. tenho que fazer qualquer coisa por estes dois!!!

Um beijo, Africano doce. Tens mel que se farta.

ÍNDIA disse...

Vem dormir comigo, vens?
Estou mesmo a precisar de umas costas largas...
Encosta-e a mim e diz-me o restoao ouvido. Adoro-te. Vem descansar.