24 de novembro de 2010

' Oh si cariño!



¡Hola! 

Me llamo Cláudia, tengo veinte años y vivo en Lisboa, la capital de Portugal y una ciudad muy bonita. Soy estudiante de Psicologia en ... y me gusta mucho estudarlo porque yo creo que es muy util e interesante.

Tengo una familia muy pequeña: solos mis padres y mi abuela materna. A mis abuelos paternos no los conozco, ellos viven en Mozambique.

Ahora te voy a contar un poco de mi rutina: los dias de semana, me levanto siempre pronto, porque tengo clases por la mañana, alrededor de las nueve. Tengo clases todo el dia hasta las cinco y media, de la tarde. Después costumbro estar con mi nobio. Voy a cenar a casa con mi madre (solo vivo con ella) y me acuesto pronto. Los fines de semana son más divertidos: a menudo voy a salir, estoy con mis amigos, voy a tomar unas copas, voy al ciné... o entonces llamo mis amigos a mi casa, es que a mi me gusta mucho tener gente en casa. "¡Mi casa es tu casa!". Tú también puedes vir cuando quieras.

A mi me gusta mucho viajar y conocer nuevas culturas y personas, así que estoy muy contenta con este intercambio.

Un beso y hasta pronto,
Cláudia.

Foi a composição do meu teste final de Língua Espanhola nível 1 (competência transversal). Pediam para falar de mim a um estudante espanhol com quem ia fazer intercâmbio. Metade do que ali está é mentira, mas adaptei a história ao que eu sabia dizer, e não o contrário xD lido em português parece daquelas composições básicas da primária. mas pensando bem, evolui bastante com um mês. dado que as únicas coisas que sabia dizer em espanhol eram "oh si cariño", "más fuerte" e expressões pornográficas que tais que podem ferir susceptibilidades (piores), por isso vou abster-me de as escrever... enfim, a mi me da igual! que é como quem diz, whatever... ainda não sei a nota, mas estou confiante. acima de tudo foi divertido.

Muaah @

9 comentários:

Menina disse...

ahah se for para espanha fazer o meu estágio, vou ter de tirar um curso, porque não pesco nada, pelo menos a escrever!

Gostei de tentar ler com a pronúncia espanhola, foi giro xD

Ricardo disse...

tive um ataque de riso a imaginar te a escrever uma composição quando começaste xD. com aquelas expressões.
como eu via imenso doraemon em espanhol sei falar mais ou menos fluentemente espanhol. pelo menos eles percebem e chega me xD. Escrever nunca tentei honestamente mais que duas ou três linhas. agora chama-me ridículo
mas a minha expressão favorita em espanhol é pequeno almoço. desayuno xD adoro xD

Salsa disse...

Lol o que eu me diverti a ler a tua composição. Como tu mesma disses te parece escrita por um aluno da primária.
Em Espanha os espanhóis não gostam dos portugueses, se algum dia fores para la não contes com grandes facilidades por parte deles.
A única excepção à regra é a galicia. Aí os espanhóis são bastante hospitaleiros.

Anónimo disse...

A minha parece de um puto de 3 anos !!

vou ter miserável isto se não chumbar lool

Yashmeen disse...

Não está nada mal para o nível que dizes. Se tivesses sido minha aluna, dava-te um 7 em 10. :)

Uma correcção nesta frase:

Después costumbro estar con mi nobio. -> Después suelo estar con mi novio.

Diz-se soler estar porque tener la costumbre é algo mais enraizado nos nossos hábitos quotidianos (tengo la costumbre de comer paella cada domingo)

Quanto a esses comentários de que em Espanha as pessoas não são afáveis, nem discuto. Nem vale a pena.

Também há a grande mania em Portugal de que toda a gente fala espanhol e, como tal, não é preciso estudar. Erro crasso. Há muito mais gente a falar fluentemente inglês e francês do que espanhol. Não é só imitar a entoação e retorcer as palavras. ;)

¡Qué lo pases bien en las clases!

' Claudjinha disse...

Yashmeen --> obrigada ;)

realmente era mesmo o nível mais básico de todos, até demos o abcedário =P

não dei o verbo "soler", por isso utilizei aquilo que sabia.

não acho nada que as pessoas em Espanha não sejam afáveis, muito pelo contrário, acho que são super acolhedoras e calorosas e sociáveis. pelo menos é essa a ideia que tenho.

sou muito melhor a inglês do que a espanhol mas se continuasse a tirar espanhol também me safava bem ;)

besos!

Salsa disse...

Yashmeen até tu no teu próprio blog falas em que eles tiveram preconceitos para com a tua pessoa, (supermercado e no banco).
Claudjinha experimenta a apanhares o comboio até Madrid, Sevilha ou Barcelona e ires lá passar uns dias, entra nos supermercados, restaurantes ou bares e falas o teu espanhol para eles vais ver o que eles te fazem, existem muitos sítios em Espanha junto das fronteiras onde somos muito bem recebidos mas nas grandes cidades de Espanha se não falarmos o espanhol correcto eles pura e simplesmente dão-nos desprezo e ignoram-nos mesmo quando estamos a tentar falar com eles, nenhum deles faz o mais pequeno esforço para nos perceber ou tentar entender.
Claudjinha uma coisa é fazeres um intercâmbio com estudantes de lá outra é ires lá e tentares safar-te pelos teus próprios meios.
Eu vivo junto da fronteira de Espanha, frequentei muito a Espanha em outros tempos e sei do que falo, mas experiências são como o cu cada um tem a sua!

entredoismundos disse...

Eu sou de ascendência espanhola, dupla nacionalidade (espanhola adquirida) e resido em Sevilha há bastantes anos. Vivi sempre com um pé entre Portugal e Espanha. Eu nunca disse em nenhum momento que tinham sido "xenófobos" comigo até porque eu sou "uma" deles: disse (e reafirmo) é que há gente parva em todo o lado. Já me trataram pior em Portugal por ter uma matrícula espanhola do que em Espanha por ter nascido em Portugal.

Há uma questão que a maioria das pessoas ignora e que é o espectro fonético. Os espanhóis não têm, porque o seu idioma não os prepara para tal, uma amplitude de produção e captação de sons tão grande quanto os portugueses ou os russos. Estão no patamar dos grupos linguísticos intermédios, como os italianos. Isso quer dizer que determinados sons, entoações e até mesmo subtilezas do português sejam muito complicadas de adquirir e até compreender.

Cada qual tira as conclusões que quiser.

Cláudia, para esse nível, o teu texto está muito bom. No nível seguinte dominas a acentuação e não tenho dúvidas de que venhas a escrever/falar espanhol fluentemente. Diz-te alguém que andou 5 anos a preparar turmas para exames no Cervantes :)

¡Un abrazo!

Yashmeen

Botas disse...

Falas de mim e tudo, gostei.=p

<3